Descalvado, 18 de Novembro de 2018 Busca:   
Região

Justiça indefere candidatura de Lu Spilla para Prefeitura de Ibaté

24/09/2013

Candidato a vice de Trevisan, João Siqueira Filho também foi indeferido.
Duas únicas coligações na cidade têm prazo de três dias para recorrer.


A Justiça Eleitoral de São Carlos indeferiu, nesta segunda-feira (23), a candidatura de Lu Spilla (PSDB) que concorreria às eleições para a Prefeitura de Ibaté (SP), no dia 6 de outubro. A paisagista teria como vice Nelson Santos (PMDB), que teve a candidatura mantida. Já o candidato a vice-prefeito com Júnior Trevisan (PTB), João Siqueira Filho (PP), teve a candidatura indeferida. Trevisan concorre normalmente. Ambos têm prazo de três dias para recorrer no Tribunal Regional Eleitoral (TRE)

Segundo o Cartório da 410ª Zona Eleitoral de São Carlos, Lu Spilla foi indeferida por ser namorada do ex-prefeito José Luiz Parrella. Ela representa a coligação formada pelos partidos PRB, PMDB e PSDB.

Já o atual presidente da Câmara Municipal e prefeito interino João Siqueira Filho teve a candidatura indeferida por não ter se afastado dos cargos. Ele representa a coligação formada pelos partidos PP, PT, PTB, PSC, PR, DEM, PRTB, PV.

As duas únicas coligações registradas para estas eleições têm prazo de 10 dias para apontar um substituto se desistirem de recorrer.

Recursos
A coligação de Lu Spilla informou que vai realizar uma reunião na noite desta segunda-feira (23) para decidir ser vai recorrer da decisão, mas já antecipou que a tendência é entrar com recurso para manter a candidata em vez de apontar um substituto.

O advogado da coligação de João Siqueira Filho, Tito Costa, informou que vai recorrer da decisão no TRE, pois o Siqueira não é o prefeito e está de acordo com a legislação.

Novas eleições
A cidade terá novo pleito porque o prefeito eleito no ano passado, Alessandro Magno, e o vice, Horácio Carmo Sanches, foram cassados no início de maio por abuso de poder econômico e político, além da realização de propaganda institucional durante a campanha.

Na eleição do dia 4 de outubro do ano passado, o prefeito eleito obteve 9.776 votos, o equivalente a 51,58% dos votos válidos. Como ele foi condenado e obteve mais de 50% dos votos, é necessário realizar novo pleito, segundo a legislação eleitoral.

G1


Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados