Descalvado, 19 de Dezembro de 2018 Busca:   
Brasil e Mundo

Saiba o valor do salário mínimo em 2014

07/01/2014

Reajuste começou a valer a partir de 1º de janeiro.
Cinco estados têm salário mínimo regional, com valores diferentes.


O novo valor do salário mínimo nacional começou a vigorar no dia 1º de janeiro deste ano. Os estados do Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo têm uma tabela própria. Veja os valores atuais:

Salário mínimo nacional: R$ 724, a partir de 1º de janeiro

PR (não definido para quanto será reajustado, a partir de 1º de maio)
R$ 882,59 (agropecuária);
R$ 914,82 (domésticos, comércio e serviços);
R$ 949,53 (atividades industriais);
R$ 1.018,94 (técnicos de nível médio)

RJ (não definido para quanto será reajustado, nem a data em que será o reajuste);
R$ 763,14 (trabalhadores agropecuários e florestais);
R$ 802,53 (domésticos, serventes, auxiliar de serviços gerais e de escritório);
R$ 832,10 (carteiros, , cozinheiros, auxiliares de serviços gerais);
R$ 861,64 (trabalhadores da construção civil, despachantes, cobradores de transporte coletivo);
R$ 891,25 (encanadores, condutores de veículos de transportes, porteiros);
R$ 918,25 (operadores de máquina e telemarketing, supervisor de produção);
R$ 1.079,83 (funcionários de nível técnico);
R$ 1.491,69 (professores de Ensino Fundamental, técnicos de eletrônica e telecomunicações, tradutores);
R$ 2.047,58 (administradores de empresas, advogados, contadores, psicólogos, arquitetos, enfermeiros)
RS: a partir de 1º de fevereiro (aprovado pela Assembleia Legislativa, tem de passar pela sanção do governador);
R$ 868,00 (domésticos, agricultura, pecuária, indústria extrativa e da construção);
R$ 887,98 (vestuário, calçados, confecção, indústria do papel e operadores de telemarketing);
R$ 908,12 (indústria farmecêutica e de alimentação, empregados do comércio);
R$ 943,98 (marinheiros, vigilantes, trabalhadores da indústria de jóias e vidros);
R$ 1.100,00 (técnicos de nível médio)

SC: a partir de 1º de janeiro
R$ 835 (domésticos, motociclistas, motoboys e empregados do transporte em geral, excetuando-se motoristas, empregados na agricultura e pecuária, indústrias extrativas e beneficiamento, de pesca e aquicultura, da construção civil, de instrumentos musicais e brinquedos e estabelecimentos hípicos);
R$ 867 (indústrias do vestuário e calçado, de fiação e tecelagem, de artefatos de couro, de
papel, papelão e cortiça, empresas distribuidoras e vendedoras de jornais e revistas, empregados em estabelecimentos de serviços de saúde, em empresas de comunicações e telemarketing e indústrias do mobiliário);
R$ 912 (empregados no comércio em geral, indústrias químicas e farmacêuticas, cinematográficas e da alimentação);
R$ 957 (indústrias metalúrgicas, mecânicas e de material elétrico, gráficas, de vidros, cristais, espelhos, cerâmica de louça e porcelana, de artefatos de borracha, empresas de seguros privados e capitalização e agentes autônomos de seguros privados e de crédito, empregados em edifícios e condomínios residenciais e comerciais, em turismo e hospitalidade, indústrias de joalheria e lapidação, auxiliares em administração escolar, empregados de estabelecimentos de ensino, de cultura, de processamento de dados e motoristas do transporte em geral

SP: a partir de 1º de janeiro
R$ 810 (domésticos, agropecuários, ascensoristas, motoboys)
R$ 820 (operadores de máquinas, carteiros, cabeleireiros, trabalhadores de tursimo, telemarketing)


Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados