Descalvado, 18 de Novembro de 2018 Busca:   
Região

Denúncia por meio urna muda rotina de trabalho da PM em Pirassununga

17/02/2014

Iniciativa faz parte do projeto "Eu ajudo a polícia", implantado há um mês.
Por meio do anonimato, moradores relatam situações irregulares na cidade


O uso de uma urna para fazer denúncias à Polícia Militar de Pirassununga (SP) tem ajudado a PM a mudar a rotina de trabalho. A iniciativa, que faz parte do projeto "Eu ajudo a polícia, a polícia me ajuda", funciona na cidade há um mês e, segundo o comandante Augusto Alves, tem dado resultado.

“Nós trabalhamos por meio de estatísticas em cima de crimes que já aconteceram e assim fazíamos uma prevenção para que não voltassem a ocorrer. A urna antecipa o dado ao informar, por exemplo, que em determinada casa ocorre tráfico de drogas”, disse.

O Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) e a PM instalaram em janeiro uma urna em uma Unidade de Saúde da Família (USF) para receber denúncias dos moradores. O objetivo era aproximar a população da polícia e também auxiliar órgãos como a Polícia Civil, Guarda Municipal, Prefeitura, entre outros, no atendimento à segurança e a resolver problemas de infraestrutura na cidade. Depois de escritas, as denúncias são depositadas na urna que circula pelos bairros.

No mês passado, a PM efetuou 32 flagrantes e 90% dos casos estavam relacionados ao uso de entorpecentes. Na Vila Redenção, foram cerca de 90 denúncias, sendo 45 delas relacionadas ao tráfico de drogas. “Pegamos os formulários para triagem e acreditamos que em dez dias já começaremos a ter resultados positivos”, afirmou o capitão da PM.

Outros problemas
Entre as denuncias depositadas na urna aparecem outros problemas. Uma das principais reclamações dos moradores são os espaços públicos abandonados. Mato alto e falta de iluminação geram descontentamentos.

“A falta de segurança não cabe só ao policiamento, todos têm influencia na segurança pública. Praças abandonadas influenciam para o aumento da criminalidade”, disse o presidente do Conseg, Paulo André Tannus.

A participação dos moradores faz a diferença. São eles quem tomam conta de uma quadra de esporte no bairro que estava abandonada e era usada por usuários de drogas. Os vizinhos se uniram e tudo mudou. As famílias voltaram a frequentar o lugar. “Depois que mudou a cara da quadra, mudou a cara do bairro também para a melhor”, disse o presidente da Associação de Moradores, Elias Batista.

G1



Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados