Descalvado, 12 de Novembro de 2018 Busca:   
Região

Dengue aumenta nº de afastamentos e afeta a produtividade em empresas

18/03/2015

Em alguns locais, mais de 10% ficaram doentes em Porto Ferreira, SP.
Problema repercute nos custos já que locais gastam com horas extras.



A epidemia de dengue aumentou o número de afastamentos nas empresas de Porto Ferreira (SP), que contabiliza 2.478 casos da doença. Em alguns empreendimentos, mais de 10% dos funcionários precisaram deixar temporariamente o trabalho. A situação já começa a afetar a produtividade em alguns locais.

O repositor de mercadorias Adalberto Pierobom foi um deles. "Fiquei sete dias afastado. Eu não queria, mas o médico brigou, disse que eu tinha que ficar em casa porque minha pressão começou a cair", contou.

O médico também afastou a ajudante de cozinha Renilda Barreto. "O corpo todo estava doendo. Dava frio, calor, estava mal mesmo".

A rede de supermercados onde os dois trabalham tem 240 funcionários. Só na matriz, 35 foram afastados por causa da doença, que repercutiu no aumento dos custos. "A gente acaba tendo que onerar a folha de pagamentos com horas extras e a equipe em si acaba ficando sobrecarregada com a falta de mão-de-obra", explicou a gerente de recursos humanos, Hellen Leme Silva.

Produtividade
Nas indústrias, a maior preocupação é com a produtividade. "São turnos de trabalho contínuo. Quando um funcionário falta, nós não temos pessoas para colocar no lugar. E a equipe, com essa pessoa a menos, tem que produzir a mesma quantidade, então a gente começa a ter problemas, prejuízos em relação à quantidade de produtos entregues", afirmou o empresário Edson Rossi

Em sua empresa de vidros são produzidas 1,5 milhão de garrafas por dia. Para garantir a produção, cerca de 500 funcionários se dividem em turnos, mas desde que a dengue avançou na cidade 35 precisaram de afastamento médico e muitos passaram mal na hora do expediente.

"Ontem mesmo, pela manhã, tivemos dois casos e hoje esses dois casos voltaram confirmados, com o atestado com diagnóstico de dengue. Estão afastados por mais seis dias cada um", contou Eliana Tordato, enfermeira do trabalho da unidade.

G1



Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados