Descalvado, 16 de Novembro de 2018 Busca:   
Região

Jovem é agredido e leva 26 pontos após discussão por silêncio em aula

23/03/2015

Homossexual, estudante de 23 anos acredita que foi vítima de homofobia.
Caso ocorreu na Unicep, em São Carlos, SP, na noite de sexta-feira (20).



Um estudante publicidade e propaganda de 23 anos foi agredido pelo namorado de uma colega de sala dentro do Centro Universitário Central Paulista (Unicep), em São Carlos (SP), na noite de sexta-feira (20), após uma discussão por silêncio em uma aula. O rapaz, que é homossexual, levou 26 pontos no rosto por conta das agressões. Ele registrou boletim de ocorrência e considera o caso como homofobia, pois foi chamado de "viado" pelo agressor e sua namorada. A faculdade condenou o ato de violência e informou que está tomando as devidas providências no caso. Os jovens envolvidos não foram localizados pelo G1 para comentar o caso.

Segundo o estudante Antonio Carlos Archibald, o caso aconteceu por volta das 20h. Durante uma aula, ele explicou que pediu para uma colega parar de conversar, pois estava atrapalhando. “Ela continuou e após um tempo pedi novamente, fui mais grosso e ela se irritou e começou a discutir, fazer um escândalo. Me chamou de viado e eu a xinguei também”, disse.

Durante a discussão, o rapaz disse que foi agredido no rosto e revidou empurrando a jovem, que caiu. “Outros alunos sentiram as dores dela e queriam me agredir, só que o professor interferiu e eu fui embora para casa”, relatou.

Em casa, ele disse que recebeu uma ligação da universidade pedindo para que ele voltasse, já que a jovem teria se arrependido e estava com a coordenadora do curso para que conversassem e ela pedisse desculpas. “Antes deu chegar à coordenação, três rapazes, que também estudam na Unicep, me esperavam na minha sala, entre eles o namorado da menina. Fui me aproximando, eles chegaram em mim e o namorado dela atirou minha cabeça contra a parede da faculdade, que é feita toda em vidro. Me chamou de viado e um monte de coisa, enquanto os dois amigos dele me cercavam para eu não ter como fugir”, disse.

O rapaz disse que não revidou às agressões porque não gosta de brigas. Em seguida, eles fugiram e não foram encontrados. “A coordenadora do curso me acompanhou até o hospital. Meus pais estão em choque e minha mãe só chora porque poderia ter sido pior”, explicou.

Homofobia
Ele considera que foi agredido por ser homossexual e postou no Facebook um relato sobre o caso com fotos no rosto ferido. “Nunca tive problemas com ela e nem com ele. O ocorrido foi só um estopim para ele fazer o que já tinha vontade. Considero sim um caso de homofobia”, disse.

Ele registrou um boletim de ocorrência, mas foi orientado pela Polícia Civil a fazer outro na segunda-feira (23), porque não tinha o nome dos envolvidos. “Segunda-feira eu vou para faculdade porque faço questão de mostrar para as pessoas que o que aconteceu comigo. Não tem explicação isso. Meu pai está fazendo o que pode para que essas pessoas paguem pelo que fizeram comigo“, afirmou.

Unicep
Em nota, a Unicep informou que desaprova a violência dentro e fora da faculdade, que está dando assistência ao aluno e tomando as providências sobre o caso. Veja abaixo a íntegra do comunicado:

O Centro Universitário Central Paulista, a UNICEP, informa que, quanto ao ocorrido na noite desta sexta-feira (20), em que um desentendimento entre alunos resultou em uma das partes se ferir, DESAPROVA qualquer tipo de violência dentro e fora de suas dependências.

Informa também, que deu todo o suporte ao aluno ferido, bem como à sua família.
Sendo assim, UNICEP explica que está tomando todas as devidas providências no caso.​


G1



Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados