Descalvado, 14 de Novembro de 2018 Busca:   
Descalvado

MP arquiva denúncia feita por Leandro Cardoso sobre contratação ocorrida durante Governo Sposito

19/03/2016

Com o arquivamento, Ministério Público não vê fraude em licitação




O Ministério Público [MP] arquivou na última quarta-feira, 16 de março, uma denúncia que havia sido feita pelo Secretário de Administração Leandro Francisco Gomes Cardoso, que alegava ter havido fraude em um processo licitatório que foi iniciado em junho de 2013, durante o governo do Prefeito Anderson Aparecido Sposito [PRTB].

Na denúncia o atual Secretário de Administração Leandro Cardoso, por revanchismo político, procurou “pelo em ovo” ao analisar um processo licitatório que transcorreu dentro da legalidade exigida, o que acabou sendo confirmado pelo MP com o arquivamento da denúncia.

O processo licitatório em questão era para a contratação de empresa especializada para elaborar projeto que permitisse a realização de Parcerias Público Privas, as PPPs, que são uma parceira entre o poder público e a iniciativa privada, e nesse caso específico, a PPP serviria para possibilitar que empresários construíssem em Descalvado uma usina de processamento de lixo residencial e hospitalar, por um processo conhecido como pirólise, o que em teoria resolveria o grave problema existente com a coleta e a destinação de lixo em Descalvado.

De acordo com Sposito, a construção de uma usina de pirólise traria inúmeros benefícios para Descalvado, já que de imediato a prefeitura não precisaria mais gastar dinheiro público com a contratação de uma empresa para dar destino ao lixo produzido diariamente na cidade, além do fato de que com essa usina diversos postos de trabalho seriam abertos, impostos seriam gerados e uma melhor distribuição de renda aconteceria no comércio local.

Para Sposito o que de fato ocorreu foi apenas “revanchismo e sentimento de vingança”. “Quando eu era prefeito de Descalvado em 2013 uma pessoa que hoje é secretário no Governo Henrique me procurou, acompanhado de um interlocutor, pedindo emprego na prefeitura como cargo comissionado, pois não estava se saindo muito bem em sua profissão, mas já naquela ocasião vi que essa pessoa não tinha muita capacidade para ocupar um cargo na prefeitura, então não contratei. Acho que por isso esse secretário sempre dificulta minhas ações como vereador”, disse Sposito ao Descalvado Agora.

O ex-secretário de administração, Rodrigo Alexandre de Oliveira também se manifestou quanto ao assunto, “eu tinha absoluta certeza que isso seria arquivado, pois confio nas instituições brasileiras e sei que não cometi nenhuma fraude em nenhum processo licitatório. Tenho certeza também que nenhum dos funcionários públicos concursados que trabalhavam na secretaria de administração e que estavam envolvidos com os processos licitatórios não cometeram nada de ilícito. Pena que parte da equipe da atual administração, em especial esse secretário que fez denúncia, perde tempo olhando para trás ao invés de olhar para frente e ajudar a governar a cidade”, disse o ex-secretário.





Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados