Descalvado, 15 de Novembro de 2018 Busca:   
Descalvado

Administração e futuro governo discutem com a Promotoria e Santa Casa o aumento nas subvenções

10/12/2016

Assessoria de Transição

Representantes da Irmandade da Santa Casa de Descalvado solicitaram uma reunião com a Promotoria Pública, na tarde desta sexta-feira, 09, com a presença do procurador Geral da Prefeitura, dr. Silvio Bellini, do secretário Municipal de Finanças, Geraldo Campos, e do prefeito eleito e seu vice, Becão Reschini e Vianna para tratarem das emendas à Peça Orçamentária 2017 que garantiriam um repasse de mais R$ 1,2 [milhão] para a entidade.

A emenda que aumenta a subvenção para a Santa Casa no próximo ano é de autoria do vereador Guto Cavalcante [PTB]. Somado ao atual repasse feito pela Prefeitura Municipal a entidade deverá receber R$ 5.462.000,00 [milhão], valor que o futuro prefeito considerou um ‘absurdo’, ou seja, a Peça Orçamentária aprovada na Câmara Municipal com a referida emenda determina o repasse de mais R$ 100 mil ao mês do que a Santa Casa já recebe.

Além do aumento nesta subvenção, uma outra emenda de autoria do vereador Vick Francisco [PPS], prevê o aumento nas subvenções de nove entidades assistenciais do município, que somadas ao atual valor repassado contabilizam mais de R$ 1 milhão.

A atual administração tem o prazo até o dia 20 de dezembro para vetar ou sancionar as emendas aprovadas para a Peça Orçamentária. Segundo informações da própria administração se as tais emendas forem sancionadas o governo de Becão estará engessado logo no primeiro ano, lembrando que a Peça Orçamentária não prevê qualquer aumento ao funcionalismo público.

Em discussão antes do encontro com a Promotoria, o grupo de Becão analisou de onde estão sendo suprimidas verbas para a concessão do aumento no repasse à Santa Casa, e entre os setores está o Obras que terá R$ 400 mil a menos para trabalhar no próximo ano. Se a situação das estradas rurais, manutenção de ruas, sarjetas e limpeza pública não é das melhores com menos dinheiro será pior. Sem contar que o Serviço de Água e Esgoto também perderá R$ 200 mil de acordo com a emenda aprovada.

Becão e Luiz Carlos definiram as emendas dos vereadores Guto e Vick como sendo ‘politiqueiras’ com o intuito de prejudicar a futura administração, que já prevê herdar dívidas com fornecedores e agora com menos R$1,2 milhão para trabalhar.





Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados