Descalvado, 16 de Dezembro de 2018 Busca:   
Notas Policiais

Homem é preso em Descalvado na “Operação Anjo da Guarda”, operação contra crimes de pedofilia

14/12/2016

Homem morava no bairro Morada do Sol e foi preso em flagrante pelo crime de pedofilia; ao todo a ação prendeu 20 pessoas em 15 locais do interior de São Paulo. A operação foi comandada pela Polícia Civil de Piracicaba.



Um homem, morador do bairro Morada do Sol, em Descalvado, foi preso em flagrante na manhã de ontem, 13, na operação “Anjos da Guarda”, que visava o combate a pornografia infantil. A operação foi comandada pela Delegacia Seccional de Piracicaba, e de acordo com a Polícia Civil, esse homem e mais 19 foram presos por serem suspeitos de compartilharem na internet, vídeos e imagens pornográficas de crianças e até de bebês, com um ano de idade. Um dos presos, da cidade de Pedreira baixou 308 mil vídeos e fotos com pornografia infantil em dois meses.

Em entrevista realizada em Piracicaba, o delegado e coordenador da operação, João Sérgio Marques Batista, disse que o volume de material pornográfico compartilhado pelos suspeitos era grande. “O campeão do mal foi um homem preso em Pedreira, SP. Ele baixou 308 mil conteúdos, entre fotos e vídeos, relacionados a pornografia infantil, em um período de 60 dias”, relatou.

João Sérgio afirmou que o material era compartilhado por um sistema parecido com o de downloads de músicas. “Esse material era captado em um sistema de informática conhecido como ponto a ponto. É como se fosse, guardadas as devidas proporções, baixar uma música na internet. O cara entra e qualquer pessoa que tiver online capta aquela música, o mesmo ocorria com os vídeos e as fotos”, explicou.

A operação envolveu 90 policiais e efetuou prisões em 15 cidades do interior de São Paulo, sendo cinco presos em Piracicaba, dois em Limeira, dois em Leme, e mais 11 em Campinas, Santa Bárbara d’Oeste, Araras, Pirassununga, Rio Claro, Elias Fausto, Hortolândia, Descalvado, Mogi Mirim, Amparo e Pedreira.

Porte e suborno
Além de pornografia, um suspeito de Santa Bárbara e outro de Elias Fausto vão responder por porte ilegal de arma de fogo. Um estudante de direito de 36 anos preso em Piracicaba responderá por corrupção passiva, por ter oferecido R$ 1 mil para que um policial não realizasse a prisão dele.

Segundo o delegado, todas as prisões foram em flagrante e cabe agora a Justiça ratificá-las com a decretação da prisão preventiva ou decidir pela concessão da liberdade provisória. Os presos serão encaminhados para as unidades prisionais da região onde foram presos.

Com informações G1





Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados