Descalvado, 18 de Novembro de 2018 Busca:   
Descalvado

Descalvado é um dos poucos municípios a cumprir as metas contra a Gripe

19/05/2017

Vacinação vai até o dia 26, nas unidades de Saúde. Ministério da Saúde faz um alerta ao público prioritário do país que ainda não tomou a vacina. Mais mortes foram registradas em maio


Descalvado é um dos poucos municípios da regional de Araraquara a cumprir com as metas propostas pela Campanha de Vacinação da Gripe 2017. No último dia 13, chamado de Dia “D” da Campanha, a Saúde Municipal fez o fechamento dos dados e concluiu mais de 100% de imunização ao menos dos funcionários da área. Vacinação ainda se estende até o dia 26 de maio pra quem estiver interessado.

O objetivo do Ministério da Saúde é vacinar 90% da população prioritária, ou seja, do público alvo: pessoas a partir de 60 anos de idade, crianças menores de 05 anos, gestantes e puérperas [com recém-nascidos], trabalhadores da saúde e professores.

Segundo dados da Vigilância Epidemiológica, Descalvado vacinou 59% das crianças da faixa etária prevista, 78% das gestantes, 104% das puérperas, 102% dos trabalhadores da área da Saúde, 78% dos idosos e 206 professores, embora a regional não estipulou metas pra Descalvado, nesta categoria de público.

Ato total Descalvado alcançou os 76% de imunização, enquanto que outros municípios ficaram abaixo desse percentual: São Carlos - 46%, Araraquara - 42%, Américo - 53%, Ibaté - 41%, Ibitinga- 69%, Itápolis- 54%, Porto Ferreira- 36%, Taquaritinga -57% e Matão com 45%.

E para informar à população a Saúde avisa que o posto fixo de vacinação na FEPASA foi desmontado na manhã desta sexta-feira, 19. A vacinação continua nas unidades de Saúde até o dia 26.

Gripe continua a fazer vítimas fatais que não tomaram a vacina
O Ministério da Saúde divulgou esta semana, que após o dia D, apenas 53% do público-alvo se vacinou contra a gripe, o que corresponde a somente 28,7 milhões de pessoas de um total de 54,2 milhões do público-alvo.

Até o momento, dados do Ministério da Saúde apontam redução de casos de gripe neste ano em relação ao ano passado, quando houve registro de casos fora do período esperado e predominância da circulação do vírus da gripe A [H1N1]. Foram registrados em 2016 ao menos 12 mil casos, com 2.220 mortes em decorrência da gripe.

Já neste ano, o balanço até o dia 1º de abril aponta 276 casos registrados, com 48 mortes. O mês de maio já abriu novos precedentes e o Rio Grande do Sul registrou duas mortes em pessoas de 60 e 70 anos, a região de Foz do Iguaçu, na segunda quinzena do mês teve uma morte de pessoa de 93 anos.

A região de Taubaté [SP] já registra 09 mortes pela gripe, número superior ao do ano passado que foram oito.

A coordenadora do Programa Nacional de Imunizações do Ministério da Saúde, Carla Domingues, considera de fundamental importância que as pessoas se vacinem neste momento, para estarem protegidas no inverno, quando os vírus da Influenza começam a circular com maior intensidade. “A vacina demora cerca de 15 dias para fazer efeito após aplicada, por isso é necessário que as pessoas, integrantes do público-alvo, se conscientizem e procurem os postos de saúde para se vacinarem antes do período de inverno”, aconselhou a coordenadora.





Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados