Descalvado, 17 de Novembro de 2018 Busca:   
Descalvado

Jovens recebem certificado de dispensa do Serviço Militar. Dos alistados, 47,1% não servirão o Exército

23/09/2017

Tenente Franco falou da importância do alistamento e as oportunidades aos dispensados que ainda querem fazer carreira militar

Noventa e oito jovens de Descalvado, nascidos em 1999, receberam na última segunda-feira, 18, o Certificado de Dispensa do Alistamento Militar. A cerimônia de entrega aconteceu de manhã, no Anfiteatro da Prefeitura Municipal, sob a coordenação do tenente Franco. O prefeito Becão Reschini realizou a entrega dos certificados a cada um dos dispensados.

Este ano 208 jovens nascidos em 1999 realizaram o alistamento militar, dos quais 47,1% foram dispensados e o restante estará à disposição para participar da seleção complementar, já agendada para janeiro de 2018.

Os dispensados do Serviço Militar passaram por um prévio treinamento sobre o regulamento de continências, honras, sinais de respeito e cerimonial militar das forças armadas, para que se posicionassem corretamente durante o ato oficial, com a presença do prefeito, da responsável pela Junta Militar em Descalvado, Cleide Rosana Galdino, tenente Ricardo, do Tiro de Guerra de São Carlos, do monitor Yuri - responsável pela apresentação da Bandeira Brasileira e de alguns pais.

O treinamento e suas explicações fazem parte do exercício da cidadania e foram passadas pelo tenente Claudiney Alves Franco, delegado do Serviço Militar da 5ª Delegacia do Serviço Militar.

“O jovem que não fizer o alistamento militar estará em desacordo com a legislação e estará cometendo um crime”, explica o tenente Franco e amplia que este jovem será considerado ‘refratário’ – ficando impedido de tirar o passaporte, ingressar no serviço público, se matricular em instituições de ensino, além de que muitas empresas não contratam jovens que não cumpriram a obrigação militar. Entre as punições está o impedimento de sacar prêmio em caso de sorteio de Loteria Federal.

O prefeito Becão cumprimentou todos os jovens dispensados pelo cumprimento do dever de terem se alistado. “Além de cumprirem o dever com o país vocês se tornam um cidadão completo e aptos a seguirem em frente”, disse e completou que daqui pra frente o próximo passo é encontrar um emprego e seguir curso na faculdade. “Boa sorte a todos”.

Dispensa do Serviço Militar
É comum o jovem ser dispensado do Serviço Militar, de acordo com os critério de avaliação do próprio sistema, entre eles a escolaridade, ou seja, quem por exemplo estiver fazendo faculdade ao apresentar o atestado de matrícula poderá ser dispensado.

As fases do alistamento são 3: alistamento, seleção geral e incorporação. Os selecionados são submetidos a uma inspeção e avaliação combinando o vigor físico com a capacidade analítica, levando-se em conta também aspectos culturais, psicológicos e morais.

“O próprio instrutor e ou professor que irá trabalhar com os jovens fará a análise dos critérios físicos e comportamental para a seleção final”, aponta o tenente a forma de avalição do jovem alistado.

Os selecionados nesta etapa, que aconteceu há umas duas semanas em Descalvado, estarão ingressando no Quartel ou Aeronáutica de Pirassununga, em janeiro do próximo ano.

Para quem quer servir o Exército
Tenente Franco disse que dentre os dispensados alguns desejavam prestar o Serviço Militar, e neste caso, há a chance de prestar concurso público para várias categorias oficiais, como por exemplo a Escola de Sargentos, Academia de Cadetes do Barro Branco, bem como para médicos e dentistas do Exército e outros.

Até os 37 anos é possível seguir carreira militar no Brasil. Maiores informações podem ser obtidas com a secretária da Junta Militar.

Reservista
É um dos documentos mais importantes para o jovem e deve ser bem guardado, para uso quando em caso de necessidade. O empregador que recebe o currículo de um jovem de 19 anos de imediato pede esse documento para ter certeza que o mesmo está quites com o Serviço Militar.

A reservista não precisa ser carregada na carteira, ela não serve como documento de identidade e em caso de perda, o cidadão deve registrar um boletim de ocorrência para requer a segunda via. Essa obrigação se faz necessária até os 45 anos de idade, pois em caso de guerra o cidadão pode ser convocado para defender o país.




Voltar


Jovens recebem certificado de dispensa do Serviço Militar. Dos alistados, 47,1% não servirão o Ex


 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados