Descalvado, 05 de Março de 2021 Busca:   
Descalvado

199 casos suspeitos de Covid-19 já foram descartados em Descalvado

29/05/2020

De acordo com o Boletim Epidemiológico N.º 71 da Secretaria Municipal de Saúde, Descalvado já descartou 199 casos suspeitos de Covid-19. Os casos foram descartados por meio de 173 testes rápidos e outros 26 exames em laboratório [PCR]. A cidade continua com 8 casos positivos para a Covid-19, com 1 morte confirmada e outros 7 casos suspeitos em investigação [aguardando o resultado de exames].

Dos 8 casos positivos confirmados, 1 está em internação e 1 está em isolamento domiciliar, porém 5 já receberam alta e estão curados. Infelizmente, uma mulher de 71 anos que estava internada em Araraquara, faleceu durante a madrugada do último dia 26 de maio.

Ainda segundo o boletim da Secretaria de Saúde, a maior incidência de casos positivos situa-se na faixa etária entre 41 a 50 anos [3 casos], seguido de pacientes com idades entre 51 a 60 anos [2 casos] e de 71 a 80 anos [2 casos], além de 1 caso na faixa de 21 a 30 anos. Todos os casos foram avaliados pelo médico infectologista Dr Alexandre Micali.

Por fim, o boletim epidemiológico também informa que atualmente estão sendo mantidos em observação 5 pacientes com síndromes gripais, que são avaliados periodicamente e aguardam evolução do quadro clínico para saber se haverá, ou não, a necessidade de acionamento dos protocolos sanitários para a coleta de material.

RETOMADA
Os 24 municípios da região que pertencem a Diretoria Regional de Saúde [DRS-III] de Araraquara foram classificadas na fase 3 [amarela] do Plano São Paulo para flexibilização das medidas de isolamento e retomada das atividades econômicas, anunciado pelo governo estadual na última quarta-feira [27].

O Plano São Paulo prevê cinco etapas, classificando em fases todas as regiões do Estado por cor, de acordo com os critérios definidos pela Secretaria Estadual da Saúde e pelo Comitê de Contingência para Coronavírus.

Pelo plano, as flexibilizações serão possíveis para:


- Cidades que tiverem disponibilidade de leitos de UTI na rede pública e privada
- Redução no número de casos da doença
- Com manutenção do distanciamento social nos ambientes públicos
- Uso obrigatório de máscaras


A cor de cada região do mapa é determinada por uma série de critérios, entre eles taxa de ocupação de UTIs e total de leitos a cada 100 mil habitantes.


Esses indicadores são avaliados junto com dados de mortes, casos e internações por Covid-19 para determinar a fase em que se encontra cada região.


A cada 7 dias será reavaliado. Depois, a cada 15 dias a região poderá se mover para fases menos restritivas. As fases poderão regredir conforme os indicadores sofram alterações.


- Fase 1, vermelha: alerta máximo, funcionamento permitido somente aos serviços essenciais
- Fase 2, laranja: controle, possibilidade de aberturas com restrições
- Fase 3, amarela: abertura de um número maior de setores
- Fase 4, verde: abertura de um número maior de setores em relação à fase 3
- Fase 5, azul: \"normal controlado\" - todos os setores em funcionamento, mas mantendo medidas de distanciamento e higiene


Cada prefeitura terá autonomia para flexibilizar os setores estabelecidos. A flexibilização deverá ser feita por decreto pelos prefeitos das cidades, observando também os planos regionais.

Os dois pré-requisitos para a flexibilização são a adesão aos protocolos de testagem e apresentar fundamentação científica para liberação dos estabelecimentos que cite fatores locais relacionados ao município.





Voltar




 











Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2021 - Todos os direitos reservados