Descalvado, 20 de Novembro de 2018 Busca:   
Região

Polícia Militar Rodoviária Realiza Fiscalização de Trânsito Rodoviário no Período Noturno

15/06/2011

O Policiamento Rodoviário do Estado de São Paulo, através do 2º Pelotão de Policiamento Rodoviário, sediado no município de Pirassununga/SP e sob o comando do 1º Tenente PM Marcelo Estevão de Oliveira, idealizou e realizou, em 10 de junho, no período compreendido entre às 21:30 e 01:30 horas, no Km 200, da SP 330, Pista Norte, a “Operação Acorda Motorista, Direção Segura, Iluminação e de Prevenção ao Roubo de Carga”, com o apoio da Concessionária Intervias.

A idéia é que tais operações ocorram, rotineiramente, em diversos locais da SP 330 (rodovia Anhanguera), através de levantamentos estatísticos, sendo certo, que a referida rodovia apresenta um grande volume diário médio de caminhões, no período noturno, principalmente, nas madrugadas, horários considerados críticos, devido à sonolência e o cansaço físico dos motoristas aliados a ingestão de medicamentos, bebida alcoólica e problemas no tocante a iluminação dos veículos.

Estudos demonstraram que grande parte dos acidentes de trânsito é causado por motoristas que tiveram algum tipo de problema ocasionado pelos distúrbios do sono. Dentre as colisões, pelas mais diversas razões, por exemplo, o sono, 30% são ocasionados por sonolência, revela pesquisa realizada pela Aborl-CCF (Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirúrgia Cérvico-Facial).

As pesquisas demonstraram, ainda, que estar com sono ao volante equivale a dirigir com um nível de embriaguez moderado. A principal causa da sonolência é a privação do sono, pois uma pessoa deve dormir, pelo menos, seis horas antes de viajar, onde vários motoristas, principalmente, à véspera de final de semana prolongado, acabam pegando a estrada após 8 horas de trabalho e sem o descanso recomendado.
Assim as doenças relacionadas ao sono, que são mais de 150, representam a segunda maior causa de acidentes ligados ao sono, segundo a Aborl-CCF. Outro causa, é o excesso de trabalho, muito comum, em motoristas profissionais que dirigem ininterruptamente por mais de 10 horas.

Desta forma a operação em questão foi inovadora, pois contou com a fiscalização de trânsito do Policiamento Rodoviário, de prevenção criminal, realizada por meio dos policiais do Tático Ostensivo Rodoviário, em ambiente provido de iluminação artificial uma vez que a operação foi realizada em local de incidência de acidentes de natureza “colisão traseira”, de viatura de Resgate realizando atendimento pré-hospitalar com exames de medição de pressão arterial e cálculo do IMC do caminhoneiro e ainda pausa para os motoristas realizarem uma breve alimentação e descanso nas barracas e cadeiras disponíveis.

Para tanto, a referida Operação Policial Militar possuiu como escopo prioritário à proteção à vida, à incolumidade física das pessoas e do patrimônio, a preservação da ordem pública e a fluidez do trânsito, assim, todo o esforço e empenho do Policiamento Rodoviário, apoiados pela Concessionária Intervias, deverão ser concentrados na prevenção e repressão aos atos relacionados com a segurança pública no tocante a área de trânsito e criminal, proporcionando, deste modo, aos usuários das rodovias descritas, um trânsito em condições seguras.

Fonte: Marcelo Estevão de Oliveira
1º Tenente de Polícia Militar
Comandante do 2º Pelotão

Voltar


 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados