Descalvado, 17 de Novembro de 2018 Busca:   
Região

São Carlos lidera ranking de acessos à internet da região central de SP

06/07/2012

Pesquisa realizada pela FGV mostra mapa da inclusão digital no Brasil.
Utilização de computadores em casa foi o principal item avaliado no estudo.

São Carlos (SP) lidera com o número de microcomputadores conectados à internet na região central com 53,57% , enquanto a média nacional é de 33,2%. A cidade ocupa a 30ª posição no ranking, seguida por Araraquara (SP) com 53,48%. Gavião Peixoto (SP) apresenta o menor índice (21,51%), segundo levantamento realizado pelo Centro de Políticas Sociais (CPS) da Fundação Getúlio Vargas (FGV). O Brasil está em 63º lugar entre os 154 países pesquisados.

A pesquisa avaliou a qualidade do acesso, seu uso e retornos. Os resultados servirão de subsídio para monitorar os indicadores que compõem as metas do milênio da Organização das Nações Unidas (ONU) para diminuir a desigualdade mundial. O objetivo é promover uma cooperação com o setor privado para que os benefícios das novas tecnologias se tornem acessíveis, sobretudo nos países em desenvolvimento e nos setores de informação e comunicação.

Contrastes na região
O mapa da inclusão digital mostra que cidades mesmo tão próximas têm realidades bem distantes. Enquanto São Carlos estão no topo do ranking da região, Ibaté (SP) que fica a apenas 11 km de distância está entre as piores posições no estudo com 29, 83% dos computadores com acesso à web.

Para Joice Otsuka, coordenadora de inovações tecnológicas dos cursos à distância da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), é preciso melhorar o acesso e preparar a comunidade para usar a internet.

“É uma necessidade de formação continuada, tanto do ensino fundamental e médio, para as possibilidades de uso para a educação e pesquisa”, diz.

Os computadores da biblioteca que dão acesso à berçarista Lucimara Custódio ao mundo digital. Foi lá que ela se inscreveu para um concurso. “Demorou dois anos, mas acabei passando e graças a Deus estou trabalhando”, conta.

Há dois meses ela comprou o primeiro computador e agora economiza para conseguir instalar a internet. “Não tinha condições de ter, agora que tenho estou correndo atrás, porque sem internet hoje você é analfabeto”, diz.

Dados do estudo
A utilização de computadores em casa foi o principal item avaliado. Dados mostraram que 46,92% das conexões são realizadas a partir de residências. Há nove anos, apenas 8% das casas tinham acesso à internet, hoje são 33%.

Segundo a pesquisa, os homens são os que mais conectam em casa. A faixa etária responsável pelo maior número de acessos está entre 20 e 40 anos.

As causas da exclusão digital também foram apontadas. Entre os mais jovens, o problema é a falta de acesso, enquanto nos mais velhos a dificuldade está na utilização dos equipamentos. Foi constatado que 33,14% das pessoas não acham necessário ou não querem usar a internet. Ao menos 31,35% alegou não saber utilizar os equipamentos e 29,79% não possuem computador. Apenas 1,76% dos entrevistados afirmou que o preço elevado dos computadores dificulta o uso da internet em casa.

Confira o ranking nacional das cidades da região



Fonte: G1 São Carlos











 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados