Descalvado, 22 de Novembro de 2018 Busca:   
Notas Policiais

Funcionário é preso após desviar R$ 60 mil em produtos em Porto Ferreira

01/07/2013

Suspeito passava materiais elétricos a uma quadrilha que revendia os itens.
Receptador foi flagrado por câmera de segurança em frente à empresa.


A Polícia Civil de Descalvado (SP) prendeu neste sábado (29) um homem por furtar e desviar materiais de uma indústria de iluminação de Porto Ferreira. O suspeito trabalhava no local há 16 anos e ocupava cargo de confiança. O prejuízo passa dos R$ 60 mil, segundo o dono da empresa.

O suspeito passava fios, interruptores, bocais e outros equipamentos elétricos a uma quadrilha, que revendia os itens. Há um ano, o proprietário da indústria começou a perceber a falta de materiais e iniciou uma investigação por contra própria. “Semana passada consegui averiguar e passar as informações para a polícia. Hoje conseguimos abordá-lo”, contou o empresário Marcelo Paco.

Uma câmera de segurança flagrou o momento em que o receptador pegava os materiais. Nas imagens entregues à polícia, um carro estaciona ao lado da fábrica e o motorista sai e se aproxima para receber a mercadoria. Ele guarda no porta-malas, espera durante alguns minutos e volta para pegar o que faltava. O rapaz que aparece no vídeo tem 37 anos. Ele foi seguido por um segurança da indústria até ser pego pela Polícia Militar.

“Ele disse que tinha um pouco de material na casa dele. Ele foi com a gente e autorizou a nossa entrada na residência e lá foi localizado muitos produtos”, disse o soldado da PM Michael Emerson Caramuri.

Na casa dele, no bairro Vila Nova, foram apreendidos 1.200 quilos de fios, bocais e outros materiais elétricos furtados da mesma empresa e avaliados em 60 mil reais. Foi preciso um caminhão para levar a mercadoria de volta para a empresa. Na casa havia ainda notas promissórias, comprovantes de depósito e transferências bancárias, além de uma relação com os nomes dos compradores do material.

De acordo com a PM, o suspeito não resistiu à prisão. Em depoimento, ele contou que praticava o crime há mais de um ano e quem o ajudava a furtar o material era um funcionário de confiança da empresa.
O suspeito de 37 anos foi preso por receptação, mas pagou fiança de dois salários mínimos e responderá o processo em liberdade. Já o funcionário da empresa acusado de desviar os materiais irá responder por furto qualificado. Ele foi detido e levado para a cadeia de São Carlos (SP).

G1


Voltar




 
















Notícias
Descalvado
Câmara Municipal
Esporte
Notas Policiais
Região
Brasil e Mundo
Geral
Música
Fotos
Canais
Conheça Nossa Cidade
Boca no Trombone
Horóscopo do Dia
Previsão do Tempo
Guia Rodoviário
Política Agora
Blogs e Colunas
Cozinhando com Aline
Marcos Felipe Chiaretto
Mexa-se
Utilidade Pública
Farmácia de Plantão
Balcão de Empregos
Notas de Falecimento
Guia Comercial
Consulte Multas
Interativo
Fale Conosco
Sugestão de Matérias
Anuncie no Descalvado Agora
Empregos
Fale Conosco
Descalvado Agora 2009-2018 - Todos os direitos reservados